Strans faz ajuste em linhas de ônibus para melhorar atendimento no Residencial Pedro Balzi

Com o objetivo de melhorar o atendimento e otimizar o tempo de circulação dos ônibus no Residencial Pedro Balzi, na zona Sudeste da cidade, a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) comunica que a partir deste sábado (29) as linhas A538 e A638 (Pedro Balzi) vão atender aos terminais do Livramento e do Itararé.

De acordo com o gerente de planejamento da Strans, Denilson Guerra, a mudança foi realizada para atender a um maior número de usuários. “Na verdade, a mudança tem como meta oferecer um melhor serviço para os moradores da zona Sudeste, especialmente para os moradores do Residencial Pedro Balzi, aumentando a frequência dos ônibus e reduzindo o tempo de espera”, explicou.

Denilson reforça ainda que ao longo da semana foi feita divulgação das mudanças com cartazes e panfletos nos ônibus da zona Sudeste. “Estamos fazendo várias mudanças para ajustar o sistema e oferecer um melhor serviço para os usuários. Entendemos que toda mudança na rotina das pessoas pode gerar algum tipo de desconforto no começo, mas estamos sempre fazendo o monitoramento para que o serviço seja o melhor possível para todos”, finalizou.

As linhas farão os seguintes itinerários:

A 538: Terminal Itararé/ Boa Esperança/ Terminal do Livramento/ Alto da Ressurreição/ Frei Damião/Todos os Santos/ Pedro Balzi

A 638: Residencial Pedro Balzi/Todos os Santos/Frei Damião/Alto da Ressurreição/ Terminal do Livramento/Boa Esperança/Terminal do Itararé

 

Strans realiza pesquisa para atender melhor os usuários do Residencial Bem Viver

Com o objetivo de oferecer um melhor atendimento de transportes públicos para as famílias que moram no Residencial Bem Viver I e II, a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) está realizando uma pesquisa para verificar os horários de maior fluxo de passageiros que utilizam a Linha 8 (Planalto Bela Vista – Bem Viver- Morada Nova/Shopping). Após a conclusão desse trabalho, as ordens de serviço serão elaboradas segundo os resultados apresentados no relatório.

De acordo com o Gerente de Planejamento da Strans, Denilson Guerra, a pesquisa está sendo realizada a fim de atender melhor as demandas dos moradores do residencial. “Estávamos recebendo muitas reclamações dos usuários, por isso resolvemos fazer esse estudo para definir um horário que atendesse, da melhor maneira possível, as famílias que moram no residencial”, disse.

O gerente reforça que, por conta da geometria das ruas, é impossível colocar ônibus para circular no local, por isso a opção viável foi colocar o transporte alternativo para atender a esse público. “As ruas do residencial são muito estreitas, o que impossibilita o acesso dos ônibus, por isso somente as vans conseguem fazer o atendimento”, acrescentou.

Para a professora Lívia Sousa Rodrigues, que mora no Residencial Bem Viver, desde que as vans começaram a passar no horário previsto os moradores estão satisfeitos com o atendimento. “Esperamos que, após a conclusão da pesquisa, a Strans consiga organizar os horários para que os moradores possam chegar nos seus compromissos sem atraso”, disse.

Lívia trabalha em uma escola particular na zona Leste da cidade e todos os dias precisa chegar ao local de trabalho às 7h, por isso é importante pegar a van às 5h50, pois ainda pega o segundo ônibus da Avenida Frei Serafim. “A nossa expectativa é que, com essa pesquisa, os horários das vans sejam definidos e que a empresa respeite, assim teremos um transporte de mais qualidade”, finalizou.