Strans orienta que consórcios de ônibus intensifiquem limpeza nos veículos

Em virtude da pandemia do novo coronavírus, a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) envia nesta terça-feira (17) Oficio Circular nº 340/2020 aos consórcios de ônibus para intensificarem a limpeza diária nos veículos e aos fiscais dos terminais de integração para reforçarem a limpeza de todos os espaços dos terminais, bem como nas estações de passageiros do Sistema Inthegra.

Outras medidas adotas a partir de hoje é que todos os ônibus devem circular com as janelas abertas, inclusive os que têm ar condicionado, e será estendida a validade dos cartões de estacionamento dos idosos e deficientes que venceriam este mês para 30 de abril. Com essa prorrogação as pessoas não precisam se deslocar até a Strans para fazer a renovação dos cartões.

A Strans adianta que a limpeza já é feita diariamente nos veículos e espaços de uso do Sistema Inthegra, e que os ônibus das linhas alimentadoras (entre bairros e terminais) já circulam com janelas abertas, o que favorece a entrada e saída de ar.

O diretor de Transportes da Strans, Adriano Barreto, diz que as recomendações devem ser cumpridas para evitar qualquer risco de contaminação. “Estamos com essa orientação para que utilizem os materiais de limpeza que tenham comprovada eficácia no combate a esse vírus e também a outros germes. Essas medidas adotadas visam dar mais tranquilidade aos usuários dentro dos ônibus e quando permanecem nos terminais. Sabemos que a população já está bem informada sobre as medidas de higiene e de proteção e todos devem cumprir as recomendações”, diz.

A orientação dos especialistas em saúde é que as pessoas lavem as mãos com mais frequência, no caso de uso de transportes coletivos devem lavar as mãos o mais rápido possível após utilizarem esse meio de transporte. Se tiverem tosse ou espirro, que o façam direcionando ao cotovelo, e utilizem lenços descartáveis para proteção da boca e do nariz. Evitem espaços com grande quantidade de pessoas e também tocar nos olhos e nariz sem que tenham higienizado as mãos, além de fazer a limpeza frequente com álcool em gel dos objetos de uso pessoal como o celular.