Prefeitura intensifica medidas de segurança e higiene no transporte público

O transporte público de Teresina voltou a funcionar na última quarta-feira. Para garantir a segurança dos usuários do serviço nesse momento de pandemia do novo Coronavírus, a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) tem cumprido as determinações que constam no Plano de Segurança Sanitária e Contenção da Covid 19 relacionado aos transportes e motoristas.

A higienização nas paradas finais e no final de cada turno nas garagens são medidas que já vêm sendo executadas na cidade. Além disso, é verificada a temperatura dos profissionais, bem como disponibilizado álcool em gel e ainda é exigido o uso da máscara facial. A Strans recomenda também que, para uso do transporte público, seja feita fila mantendo o distanciamento para evitar qualquer tipo de aglomeração e forma de contágio pela Covid-19.

“Essas medidas passam a ser intensificadas com o retorno do funcionamento do transporte público. É importante também uma conscientização por parte da população para que mantenha o hábito de higienizar as mãos, antes e depois de entrar no ônibus, por exemplo, já que é uma boa forma de prevenir a contaminação, e ainda usar máscara. Todos temos que fazer a nossa parte para que possamos nos proteger e assim evitar o contágio pelo vírus”, afirma Weldon Bandeira, gestor da Strans.

Como parte da luta contra o Coronavírus, a Prefeitura de Teresina tem realizado também a desinfecção de todos os terminais, estações de embarque, paradas de transporte coletivo. “Essa ação deve ser feita com regularidade, enquanto durar a pandemia”, destaca Weldon.

Nos locais públicos, as ações de sanitização são feitas pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Semduh). Essa sanitização é feita com a pulverização de solução de água com hipoclorito de sódio, por meio de bombas costais e caminhões pipas e fumaceiros.

O superintendente também faz um apelo para que os taxistas, mototaxistas e demais profissionais também façam a sua parte nessa luta contra a Covid-19. “É importante que esses profissionais que são informais também façam o que recomendam as organizações de saúde quanto à prevenção e aos cuidados no combate ao Coronavírus”, ressalta.

Permissionários do transporte individual de passageiros devem redobrar cuidados com a Covid-19

Em Teresina, não há restrições com relação a atuação dos profissionais que trabalham com o transporte individual de passageiros. No entanto, a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) vem seguindo as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e está orientando os condutores e usuários desse tipo de serviço para que redobrem os cuidados com a Covid-19.

Para os profissionais que utilizam o carro como meio de locomoção, a orientação é desligar o ar-condicionado e realizar as viagens com os vidros abertos. Além disso, os taxistas e mototaxistas devem realizar a higienização de seus veículos e dos capacetes regularmente. De preferência, após o término de cada corrida.

“Recomendamos que os profissionais desse tipo de transporte intensifiquem as prevenções para evitar a propagação da Covid-19. É importante também que os usuários façam o seu papel e só se desloquem de suas casas em casos de extrema necessidade. Quem pode, deve ficar em casa”, alerta o gerente de licenciamento e concessão da Strans, Rômulo Rêgo.

A Strans recomenda, ainda, que os passageiros obedeçam as recomendações básicas de higienização e evitem corridas compartilhadas, para coibir a aglomeração nos veículos.