Campanha Maio Amarelo de conscientização no trânsito acontece nas redes sociais

Em virtude da pandemia da Covid-19  será realizada este mês a campanha Maio Amarelo apenas nas redes sociais com o tema Perceba o risco. Proteja-se.  Está prevista para setembro as ações presenciais como blitz educativa nas vias, palestras e seminários em órgãos e instituições de ensino. As ações da campanha são educativas e procuram reduzir número de vítimas no trânsito e levar orientações sobre comportamentos seguros.

As peças produzidas chamam a atenção para o excesso de velocidade, uso do celular enquanto dirige e travessia na faixa de pedestres e já estão nas redes sociais da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans).

Desde 2014 é realizada a campanha educativa Maio Amarelo, coordenada pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) em parceria com o Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV).

Strans inicia campanha de organização do trânsito próximo às escolas

Teve início nesta segunda-feira (3) a campanha de volta às aulas com a organização de fluxo de veículos em cruzamentos próximos a algumas escolas da cidade. A ação é desenvolvida pela Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (Strans) com a presença de agentes de trânsito em cruzamentos do centro e da zona leste.

As ações acontecem das 6h às 8h, das 11h30 às 13h30 e das 17h às 19h, que são os horários com maior fluxo de veículos nas proximidades das escolas. O objetivo é dar maior fluidez ao trânsito. “Estamos contribuindo também para garantir a travessia segura de pais e alunos nas vias próximas às escolas nos horários de pico em vários cruzamentos”, explica o agente de trânsito Ricardo Braga.

O comerciário Weldson Morais, que trabalha em uma loja na esquina da Avenida Campos Sales com a Rua 24 de Janeiro, afirma ter presenciado alguns acidentes na região porque os condutores não obedecem à sinalização. “Nos horários de pico o trânsito fica difícil, pois muitos carros trafegam nessas ruas. A equipe da Strans atuando hoje aqui ajudou muito na organização para evitar acidentes”, diz.

A Strans executa campanhas educativas para conscientizar os condutores de veículos a não obstruírem as vias na frente das escolas e realizarem paradas e estacionamento em locais permitidos todos os anos no início de períodos letivos.

O agente Ricardo Braga orienta ainda para que os pais procurem sair mais cedo de casa e estacionem em ruas paralelas ou antes dos prédios escolares em locais permitidos. “Observamos que a maioria quer a comodidade de parar o veículo o mais perto possível da entrada da escola e esse hábito provoca congestionamentos e aborrecimentos. O melhor é ter consciência e bom senso”, analisa.

Strans faz campanha de educação no trânsito voltada para os pais de alunos

“De pais para filhos” é a nova campanha de educação no trânsito que está sendo iniciada com a colocação de placas educativas nas proximidades de 19 escolas da zona Leste e do Centro de Teresina. A iniciativa é da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (STRANS), para que os adultos, e em especial os pais, possam dar bons exemplos para as crianças e adolescentes no trânsito.

As placas contém as mensagens: “Ao estacionar em fila dupla você ensina seu filho que as leis não importam”, “Seja um bom exemplo para seu filho. Respeite a sinalização”. “Se as leis de trânsito não importam para você, imagina para seu filho”, “Seu filho precisa do seu cuidado e do seu exemplo. Respeite as leis de trânsito”.

Samyra Motta, gerente de Educação no Trânsito da STRANS, diz que são percebidas ações de conflito no trânsito devido ao comportamento de pais e condutores que não respeitam as leis de trânsito. “Queremos despertar e conscientizar condutores, que fazem percurso de deixar e pegar crianças nas escolas, para agirem de forma correta. Não estacionar em local proibido, em fila dupla e na faixa de pedestre onde o filho vai passar são alguns cuidados que podem ser tomados. O nosso objetivo é orientar esses pais e condutores para que sejam exemplos para os seus filhos”, informa.

Para o diretor de Trânsito da Strans, José Falcão, é necessário criar hábitos corretos e seguros no trânsito, principalmente nos momentos em que crianças e adolescentes estão sendo conduzidos para a escola, porque gera educação. “Além dessa iniciativa, no início das aulas serão intensificadas ações nas áreas próximas das escolas como continuidade das ações educativas. Todos nós formamos o trânsito, seja como pedestre, ciclista, motociclista ou condutor de veículos e até passageiros do sistema de transportes” explica.

Valneyde Holanda, policial civil, reside há 30 anos na rua Senador Cândido Ferraz, e tem muitas dificuldades para sair do prédio em alguns horários, devido aos hábitos errados de condutores. “É preciso educar mães e pais de alunos, porque muitos não respeitam a sinalização e estacionam o carro fechando as garagens das pessoas que moram nas proximidades das escolas. Infelizmente muitos não têm boa educação”, diz.

Terminais de Integração são pontos de arrecadação de donativos

A Prefeitura de Teresina inicia nesta terça-feira (9) a arrecadação de donativos nos Terminais de Integração da capital. Com o tema “Inthegra Teresina: A solidariedade pede passagem”, a campanha tem como objetivo mobilizar a população para ajudar as vítimas de alagamentos na cidade.

Os donativos podem ser entregues nos horários de 7h às 19h, de segunda a sexta, e das 9h às 17h, no final de semana. Os itens para doações de maior urgência são: material de limpeza e de higiene pessoal, água potável, leite em pó, fraldas geriátricas e material escolar.

“As equipes que estarão presentes nos terminais recebendo as doações são formadas por voluntários de várias secretarias da Prefeitura de Teresina. Mas, quem tiver interesse em participar da campanha, pode entrar em contato pelos telefones (86) 3221 1081 e (86) 3233 3961. Qualquer ajuda é valiosa”, ressalta a presidente da Fundação Wall Ferraz, Samara Pereira, que está na equipe de organização da campanha.

A Prefeitura definiu os Terminais de Integração como pontos de arrecadação por entender que as pessoas terão maior facilidade em entregar os donativos. “Muitas pessoas querem ajudar e não tem como por falta de tempo. Com essa campanha, acredito que muita gente vai poder prestar sua solidariedade às famílias que estão precisando de ajuda neste momento”, ressalta a gerente de Educação de Trânsito da Strans, Samyra Motta.

As pessoas que desejarem contribuir podem procurar as equipes da Prefeitura que estarão nos pontos de arrecadação nos terminais Rui Barbosa, Buenos Aires, Bela Vista, Parque Piauí, Livramento e Itararé.