Com o projeto Stransformando – que trabalha a educação no trânsito – empresas, órgãos e escolas podem solicitar palestras sobre como deve ser o comportamento dos condutores e pedestres no trânsito, respeitando a vida e a legislação. Na manhã desta sexta-feira (12), aconteceu mais uma dessas ações para funcionários da empresa Copperline. O projeto Stransformando é desenvolvido pela Gerência de Educação no Trânsito, da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (Strans).

A abordagem durante a palestra acontece com vídeos que mostram cenas de acidentes e a imprudência, seja por excesso de velocidade, uso do celular ou outras formas de desrespeito à legislação. O agente de trânsito Francisco Sidney, que faz esse trabalho, explica que a meta é também fazer com que as pessoas mudem o comportamento. “Queremos sensibilizar para que abandonem as condutas erradas, como beber e dirigir, não obedecer à legislação e que se coloquem no lugar do outro que é vítima de acidente. Ficamos satisfeitos porque percebemos que as pessoas refletem sobre a sua prática e incentivamos para que sejam agentes de multiplicação de informações”, diz.

O auxiliar de entregas de material Flávio Júnior Medeiros, 28 anos, passa várias horas trabalhando em deslocamento pela cidade e observa muita imprudência. “Nessa palestra eu renovei meus conhecimentos, tem muito condutor que não respeita os demais e eu considero importante todos terem consciência que é preciso obedecer a lei”, diz.

Quem também esteve na palestra foi o operador de máquinas, João Martins, 28 anos, que se desloca para o trabalho em uma motocicleta. “Acho importante receber a ação desse projeto sobre a conscientização de todos, olhar para os outros e não apenas para si. Tive muito aprendizado nessa palestra e vou repassar as informações”, especifica.

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com (*).